SENHOR DE AMOR

07/12/2018 08h32

Senhor de amor, olhai para todos aqueles que buscam em ti o consolo para suas dores. Ó senhor, que possamos a cada dia acolher com amor todos aqueles que nos procuram para uma palavra de consolo, que este consolo se faça dos dois lados da vida. E não permita nunca, meu senhor, que o desânimo e a tristeza traga aos corações a descrença.

Ó senhor do amor, seja o eterno condutor desta nau que se chama vida, e vivendo cada dia com eterna gratidão pela oportunidade constante que ela nos oferece de aperfeiçoamento e aprendizado. Que possamos ser os auxiliares, os trabalhadores que a todos acolhem não nos esquecendo nunca que aqui pedimos para estar e para fazermos parte deste imenso trabalho de renovação que ora se processa em todo o planeta.

O nosso trabalho de amor e consolo é o bálsamo e muitas vezes o atrativo para muitos que se renovam perante a confirmação da vida após a vida.

Ó senhor do amor, vem a todo instante nos pedir que amemos e que sejamos fiéis aos nossos sentimentos de compaixão e piedade a toda criatura que sofre, que busca consolo em Deus e Jesus.

Ó senhor do amor, nos tem pedido constantemente que procuremos crescer em fé, em harmonia para sermos instrumentos úteis àqueles que nos procuram.

Ó senhor do amor, pede de nós tão somente confiança, pois através da confiança se fortalecerá entre nós um contato produtivo e útil a quem necessita.

Busquemos sempre pela constante melhoria em nós, elevando o pensamento a Deus e agradecendo sempre pelo dom a nós concedido.

Muita luz a todos.

Otávio.

Mensagem psicografada na União Espírita Allan Kardec - 03/12/2018 - Dourados - MS